Ilha do Corvo

Praia

Moinhos

O seu alojamento na Ilha do Corvo!



A Ilha do Corvo é a mais pequena do Arquipélago dos Açores, localizando-se no Grupo Ocidental, a norte da Ilha das Flores, o único dos concelhos que não tem qualquer freguesia.
A ilha ocupa uma superfície total de 17,13 km², com 6,5 km de comprimento por 4 km de largura. Situa-se a 39º 40’ de latitude Norte e 31° 05’ de longitude Oeste.
Dista da Ilha das Flores, de Santa Cruz das Flores 13 milhas e 10 milhas náuticas de Ponta Delgada(Flores). É formada por uma única montanha vulcânica extinta - o Monte Gordo, coroado com uma ampla cratera de abatimento chamada localmente de Caldeirão, com 3,7 km de perímetro e 300 metros de profundidade e onde se aloja a Lagoa do Caldeirão. Nela se podem observar várias lagoas e pequenas "ilhotas", duas compridas e cinco redondas. O ponto mais alto da ilha é o Morro dos Homens no rebordo sul do Caldeirão, com 718 metros de altura acima do nível médio do mar.
O clima é húmido, com 915,7 mm de precipitação média anual, mas ameno, embora ventoso, com temperatura média anual de 17,6°C na Vila, com temperaturas médias mensais que variam entre os 14°C em Fevereiro e 23°C em Agosto. A Vila do Corvo, também chamada erradamente de Vila Nova do Corvo, é a mais pequena dos Açores, com 435 habitantes residentes (em 2011), mas actualmente a população aumentou e na ilha encontram-se a residir muitos trabalhadores de empresas que cá trabalham. A única povoação da ilha é constituída por um aglomerado de casas baixas com ruas estreitas e tortuosas que sobem as encostas, conhecidas localmente por canadas. A superfície do seu concelho corresponde a toda a superfície da ilha, mas é na Fajã que se concentram todas as habitações.
Durante o Inverno, as ligações marítimas, apesar de regulares, são fortemente condicionadas pelo estado do mar e pelo vento já que o Porto da Casa, o pequeno molhe que serve a ilha, não fornece abrigo que permita a operação com tempo adverso. No entanto, durante o Verão, chega a haver várias ligações por dia, com o barco da Atlânticoline "Ariel" e barcos rápidos que fazem o trajecto entre o Corvo e Santa Cruz das Flores em cerca de 45 minutos.
Durante todo o ano a Sata mantém voos às Segundas, Quartas e Sextas com ligações directas às Flores, Faial e São Miguel, nos meses de Julho e Agosto efectuam-se vôos também as Terças e Quintas.
"O povo do Corvo é genuinamente Simpático e veêm a chegada dos visitantes, como uma agradável interrupção na sua vida diária."
Não deixe de nos visitar!